English   español  
Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10261/11322
Share/Impact:
Statistics
logo share SHARE   Add this article to your Mendeley library MendeleyBASE
Visualizar otros formatos: MARC | Dublin Core | RDF | ORE | MODS | METS | DIDL
Exportar a otros formatos:

DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorMartí Pérez, Josep-
dc.date.accessioned2009-03-06T12:22:11Z-
dc.date.available2009-03-06T12:22:11Z-
dc.date.issued1999-
dc.identifier.citationHorizontes Antropológicos, 1999, (11):29-51en_US
dc.identifier.issn0104-7183-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10261/11322-
dc.descriptionEl número de esta revista corresponde a un monográfico sobre: Música e Sociedade.en_US
dc.description.abstract[PT]Este artigo trata da problemática da relação entre gênero e música. Sabemos que a música como meio de comunicação contribui também para a construção social da realidade; se nos interessamos pela música como fenômeno sócio-cultural, então o aspecto de gênero constitui uma dimensão que não pode ser ignorada. Ao longo deste artigo, apresentarei alguns dados relativos a uma pesquisa tipo survey realizada com jovens barcelonenses durante o outono de 1995. Entre os diferentes objetivos da pesquisa buscava-se obter informações sobre o significado e funções da música na sociedade catalã, com algumas questões orientadas para tratar do papel que desempenha a música nas relações de gênero. Concretamente, os resultados da amostra nos aportam dados sobre o uso da música como estratégia de identidade de gênero, assim como sobre as funções que pode exercer a música como expressão e ao mesmo tempo recurso de manutenção das relações de gênero, que em nossa sociedade caracterizam-se pela sua natureza assimétrica.en_US
dc.description.abstract[EN]This article is centered around the issue of gender and music. Music, as a means of communication, also contributes to the social construction of reality. If we are interested in music as a sociocultural phenomenon, the issue of gender constitutes a special dimension which cannot be ignored. Throughout this article, I give some results of an inquiry carried out on young people of Barcelona in autumn of 1995. Among the different objectives of this inquiry was to obtain information about meaning and functions of music in Catalan society. Some of the questions dealt with the role played by music in gender relations. Concretely, the results of this inquiry provide us information about the use of music as strategy of gender identity as well about functions music can play in a society which is characterized by the asymmetrical nature of gender relations; i.e. music as expression and at the same time as resource of maintenance of specific gender relations.en_US
dc.description.sponsorshipPublicación del programa de Postgraduado en Antropología Social de la Universidade Federal do Rio Grande do Sul.en_US
dc.format.extent8715119 bytes-
dc.format.mimetypeapplication/pdf-
dc.language.isospaen_US
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Sulen_US
dc.rightsopenAccessen_US
dc.subjectMúsicaen_US
dc.subjectGêneroen_US
dc.subjectJovensen_US
dc.subjectMusicen_US
dc.subjectGenderen_US
dc.subjectYouthen_US
dc.subjectGéneroen_US
dc.subjectJóvenesen_US
dc.subjectBarcelonaen_US
dc.titleSer hombre o ser mujer a través de la música: una encuesta a jóvenes de Barcelonaen_US
dc.typeartículoen_US
dc.description.peerreviewedPeer revieweden_US
Appears in Collections:(IMF) Artículos
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ser hombre o ser mujer a través de la música.pdf8,51 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Show simple item record
 


WARNING: Items in Digital.CSIC are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.